Skip to Content

Educação do Campo

 A Educação do Campo diferente da educação rural, refere-se a um novo paradigma, que demarca uma opção das novas formas de pensar o campo como território ideológico, político, econômico, social, cultural, seus sujeitos, seus saberes, suas condições de vida e de produção da vida tendo como intenção a criação de um outro projeto de sociedade e de desenvolvimento do campo. É marcado como um lugar do humano e da diversidade cultural, étnicorracial, da criação e recriação de saberes e de conhecimentos que são organizados com lógicas diferentes de lutas, de mobilização social na construção de estratégias de sustentabilidade.