Skip to Content

Frente Goiana por uma Escola Sem Mordaça

mordaca_go.JPG

No dia 17 de agosto de 2016, às 19 horas, na Faculdade de Educação da Universidade Federal de Goiás, foi lançada oficialmente a Frente Goiana por uma Escola Sem Mordaça. O evento contou com a presença de um convidado, o professor Erlnando Rêses, da Faculdade de Educação da UnB e diversos militantes goianienses.

Um grupo de militantes autônomos e de diversas organizações, sindicatos e coletivos vinha se reunindo desde o dia 20 de julho no intuito de formar esta Frente, que agora está lançada.

Na ocasião, foi relembrada a importância da luta contra este PL que busca restringir a autonomia de professores em sala de aula, imputando-lhes, inclusive, punições jurídicas ao conteúdo ministrado.

A Frente Nacional por uma Escola Sem Mordaça havia sido lançada em 13 de julho no Rio de Janeiro, e as demais Frentes têm se constituído localmente em diversos estados e municípios, já que a estratégia para a implementação do Escola Sem Partido prevê também leis municipais e estaduais.

II Encontro Socioeducativo do Estado de Goiás

logotipo.jpg

II Encontro Socioeducativo do Estado de Goiás 

Data: 6 DE SETEMBRO DE 2016, no Salão Nobre da Faculdade de Direito da UFG. Haverá

Debates, Conferências e Apresentação de Trabalhos. Participe!

Maiores inofrmações e iscrições no site abaixo:

http://eventos.ufg.br/SIEC/portalproec/sites/gerar_site.php?ID_SITE=9101

Livro: Políticas de formação de professores de EJA em Goiás na década de 1990

A professora Maria Margarida Machado, disponibiliza  a publicação da sua tese no formato de um livro, que tem por objetivo central, analisar os programas de formação destinados aos professores que atuam na EJA, implementados pelo estado de Goiás, na década de 1990.

Convidamos para a leitura do livro!

Clique aqui para baixar o livro no formato pdf.

DIVERSIDADE: Estado lança vídeo por respeito à diversidade sexual

Um vídeo lançado na quinta-feira, 14 de julho de 2016, pela Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Participação Social e Cidadania (Sedpac) não tem o objetivo de chocar a tradicional família mineira, mas dialogar com ela. Ele faz isso retratando, em cerca de 1 minuto, 50 anos na vida de uma família do interior de Minas e é protagonizado por uma mulher transexual.

Lançado às 10h no Memorial Minas Gerais Vale, o vídeo "O Amor Transforma Preconceitos" toca direto na mineiridade de cada um, independente de religião, orientação sexual ou identidade de gênero.

Clique aqui e Leia Mais (Via JULIANA BAETA: O Tempo).  Clique aqui e assista o vídeo.

Lançamento dos livros Recontando um conto no CEJA e Cartas e bilhetes no CEJA: vitórias, memórias, sonho e realidade.

Histórias de superação e saudade ganharam vida na tarde desta quarta-feira, 15 de junho de 2016, quando professores, bolsistas e alunos se reuniram para o lançamento dos livros Recontando um conto no CEJA e Cartas e bilhetes no CEJA: vitórias, memórias, sonho e realidade, no auditório do Centro de Educação de Jovens e Adultos (CEJA) do Setor Universitário.

Pequenos em tamanho, as obras possuem gigantesco significado para os alunos que, protagonistas de suas próprias histórias, assumiram a autoria dos textos. A alegria também acompanhou a equipe que coordenou o projeto, desenvolvido a partir do trabalho de bolsistas do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (Pibid), alunos do curso de Pedagogia da PUC Goiás.

"É um processo muito valioso, porque esses alunos percebem que são autores de suas próprias histórias, protagonistas dos seus sonhos", ressaltou o coordenador do subprojeto EJA da PUC Goiás, prof. Nelson Carneiro Júnior. As obras, segundo o professor, também serão de referência para a produção de texto dentro da escola. "Foi uma experiência maravilhosa. Foi um momento de intensa aprendizagem porque aprendemos muito com eles também", afirmou uma das bolsistas do projeto, Marilene Pires.

Sonhos e realidade

Conteúdo sindicalizado